Pois nada é pequeno onde o amor é grande

“Não é rico quem muito tem, mas quem muito dá. Quem é capaz de dar de si é rico. Alguns fazem do ato de dar uma virtude, pois dar é mais alegre do que receber, não por ser uma privação, mas porque, no ato de dar, encontra-se a expressão da vitalidade. A pessoa dá de si mesma, do que tem de mais precioso, dá de sua vida. Dando assim de sua vida, enriquece a outra pessoa, valorizando-lhe o sentimento de vitalidade ao valorizar o seu próprio sentimento de vitalidade. Não dá a fim de receber; dar é, em si mesmo, requintada alegria. Mas, ao dar, não pode deixar de levar alguma coisa à vida da outra pessoa, e isso que é levado à vida reflete-se de volta no doador; ao dar verdadeiramente, não pode deixar de receber o que lhe é dado de retorno. Dar implica fazer da outra pessoa também um doador e ambos compartilham da alegria de haver trazido algo à vida. No ato de dar, algo nasceu, e ambas as pessoas envolvidas são gratas pela vida que para ambas nasceu. Em relação poderíamos dizer que o amor também é uma força que produz amor. ” (Erich Fromm, A Arte de Amar)

Aproveitando a citação acima, quero manifestaros meus mais sinceros cumprimentos de gratidão que brotam nestes momentos de fraternidade e generosidade. A macarronada do Acampamento é uma oportunidade de servir, de viver, de doar-se e de amar. Sabemos que temos muitas outras oportunidades para amar e servir. Mas este evento aproxima as pessoas, estabelece vínculos de amizade e gestos de solidariedade. Acima de tudo é digno agradecer a Deus as graças já alcançadas pela comunhão e oração entre as pessoas que já experimentaram algum acampamento. Mas, sabemos que muitos outros tem no coração o sincero desejo de viver o amor de Deus e o seguimento de Cristo nesta espiritualidade de obediência, humildade e oração. Por isso, todo o nosso empenho, disposição e sonho de alcançar os recursos necessários para a construção da casa de retiros da Associação Santa Teresinha do Menino Jesus. Neste novo local, queremos sim, acolher todos: crianças, adolescentes, jovens, adultos, famílias e idosos. Neste novo lugar queremos armar nossas barracas no Senhor e deixar o Senhor ali armar sua tenda entre nós. Nossa maior alegria de dar e amar, é saber que nossos filhos e filhas, irmãs e irmãos, pais, familiares, parentes; mas também o vizinho, o colega da firma, o amigo de pastoral, um estranho, um estrangeiro, um trabalhador, um empresário, um seminarista, um padre, um bispo; alguém próximo de mim ou distante ali terá a oportunidade de se encontrar com o Senhor, que já reconquistou o coração de muitos filhos e filhas de Deus. Num simples gesto de generosidade e fraternidade percebemos que dar, nos faz ricos e alegres. Nunca se afaste do essencial que é invisível aos olhos, mas que aquece, em tempos de inverno o coração humano: …Deus te ama e quer realizar com tua vida uma grande missão. Pois nada é pequeno onde o amor é grande.

Gratidão a família Campista! Força! Coragem e Alegria…

Pe. Jairson Hellmann, scj

Share
Categoria(s): . Favorite o link.